FABRICA DE SORVETES KIBON

FABRICA DE SORVETES KIBON
Rua Visconde de Niteroi, Mangueira – Década de 1950.

A futura Kibon surgiu no Brasil em 1941, após uma busca de seus proprietários que estavam primeiramente estabelecidos na China e quando foram atingidos duramente pela guerra entre China e Japão em 38. Na época ela não se chamava Kibon e sim U. S. Harkson do Brasil (iniciais do nome de seu proprietário Ulisses Harkson) Kibon teve lugar num balcão na Rua do Matoso. Não podemos esquecer que estávamos em plena Segunda Guerra e que o Brasil passava por racionamento o que dificultou a obtenção de matéria prima para a fabricação de sorvetes além da dificuldade de importação de maquinário para tal. Os primeiros sorvetes fabricados pela Kibon foram o Eskibom e o Chicabon. Em 43 abriu-se uma filial em São Paulo que fabricava ovos em pó e sorvetes. Algum tempo depois se abriu a fabrica da Kibon na Rua Visconde de Niterói, Rio no bairro da Mangueira. Com seu crescimento passou a se chamar Cia Harkson Indústria e Comércio Kibon. Nessa época já eram produzidos picolés, copinhos de sorvetes, latas e tijolos. Havia um serviço de entrega a domicilio de bolos de sorvetes feitos por encomenda. Em 1960 a sua razão social mudou mais uma vez e a fábrica passou a se chamar Kibon S.A. – Indústrias Alimentícias.

Uma nova fábrica foi construída em Jaboatão dos Guararapes, Pernambuco (1971) e outra em São Paulo (1979).

Com o desenfreado crescimento da Favela da Mangueira próxima a Kibon e o aumento da violência na região a fabrica do Rio foi desativada e suas instalações foram doadas para virar um Centro Comunitário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *