A Confissão de Fé da Guanabara e o martírio protestante na França Antártica

A Confissão de Fé da Guanabara e o martírio protestante na França Antártica

Uma das mais antigas declarações da fé reformada foi escrita no Brasil, em meados do século XVI. Seus autores foram huguenotes (calvinistas franceses) enviados pelo próprio reformador João Calvino e pela Igreja Reformada de Genebra.

O contexto desse notável documento foi a fundação da França Antártica, uma colônia francesa na baía de Guanabara, em novembro de 1555, pelo militar Nicolas Durand de Villegaignon, na ilha onde está hoje instalada a Escola Naval, chamada de Ilha de Villegaignon.

DIA DE SÃO JORGE: fé, devoção e sincretismo

DIA DE SÃO JORGE: fé, devoção e sincretismo

Na alvorada do dia 23 de abril, devotos de São Jorge e filhos de Ogum costumam soltar fogos de artifício como forma de iniciar as homenagens ao querido santo e orixá, cuja devoção é um dos maiores exemplos do cruzo existente, no Brasil, entre religiões de matrizes africanas e o cristianismo.

GRANDES MULHERES NA HISTÓRIA DO RIO: a Homenagem do RioAntigo no Mês da Mulher

GRANDES MULHERES NA HISTÓRIA DO RIO: a Homenagem do RioAntigo no Mês da Mulher

O dia 8 de março foi instituído pelas ONU como o Dia Internacional da Mulher em 1975. A data marca uma jornada de manifestações por igualdade de direitos civis que lutou pelo voto feminino, iniciada em 1909, pelas sufragistas de Nova York.

Desde então, muito mudou, mas ainda há um longo caminho a ser percorrido. O 8 de março, além de representar esse percurso, passou a fazer parte da construção da memória simbólica dessa luta. Durante o mês de março, as discussões sobre os papéis históricos, políticos, econômicos e sociais da mulher ganham ainda mais destaque.

Pensando nisso, o RioAntigo convocou suas seguidoras a contribuírem com textos em homenagem à mulher na história do Rio que mais admiram.

%d blogueiros gostam disto: